O que o massagista não pode fazer?


Primeiramente é muito importante de fazer o cliente preencher um anamnese com perguntas sobre a sua saúde para evitar erros no atendimento. Você irá conhecer melhor o seu cliente, aumenta a segurança e também dá uma boa impressão.


Abaixo tem alguns itens que o massagista não pode fazer:


1. Fingir que é médico.
Não pode prescrever remédios, interromper outros tratamentos etc. O massagista trabalha com tratamentos complementares, não é médico.


2. Trabalhar com pessoas com doenças graves.
O massagista só pode atender pessoas que se considera com saúde. Nosso trabalho é de fornecer bem estar e promover uma vida melhor aos clientes. Qualquer dúvida consulte um médico.


3. Trabalhar com pessoas acidentadas.
O massagista só pode atender pessoas que está com saúde. Não atendemos pessoas que tiverem acidentes. Por exemplo: acidente de carro, quedas na escada etc. Essas pessoas tem que procurar tratamento adequado com médico.


Algumas contraindicações à massagem

Contraindicações absolutas à massagem:

  • Trauma agudo na coluna vertebral (acidentes)
  • Tumores, ou doenças na coluna vertebral
  • Fraturas recentes (pelo menos 2 meses)
  • Febre/infecção
  • Câncer

Contraindicações relativas à massagem (verifique com um médico):

  • Problemas na circulação sanguínea e no coração
  • Varizes, trombose, e inflamações no sangue
  • Feridas abertas e pus
  • Doenças de pele e eczemas fortes
  • Gravidez (nos primeiros 3 meses)
  • Hérnia de disco
  • Osteoporose
  • Durante tratamentos com injeções de cortisona (infiltração)

Também é muito importante que o massagista se capacite bem, concluindo cursos de massagem de boa qualidade. Com um certificado de um curso de massagem de qualidade na parede você terá mais respeito e fazer um trabalho melhor.

Anamnese