A anatomia do ser humano


A palavra anatomia vem do grego anatome que significa seccionar. A ciência da anatomia estuda, principalmente, como os seres são organizados. Todos os seres vivos contêm células que formam diferentes tipos de estruturas no corpo. A anatomia estuda e sistematiza o conhecimento destas estruturas. Existem vários tipos de estudo sobre a anatomia humana: macro e microscópica, descritiva e funcional. O massoterapeuta trabalha, acima de tudo, com a anatomia funcional. Isto é, o estudo sobre a anatomia do esqueleto, os músculos, a sistema nervoso as articulações e a relação entre eles. É necessário saber tudo isso, para entender como um grupo de músculos influencia outra estrutura do corpo. Saber a anatomia do ser humano, possibilita um tratamento de massagem muito mais exato. É fundamental saber onde os músculos são fixados no esqueleto, para conseguir calcular o movimento que tal músculo executa no corpo. Por exemplo: sabendo que o bíceps é fixado na tuberositas tibii e tuberculum supraglenoidale scapulae, é mais fácil entender o movimento que o músculo exerce no braço. Neste caso, ele flexiona o articulatio cubiti, isto é, ele dobra o cotovelo. Por que é bom saber isto ao fazer massagem em um paciente? Porque testando os movimentos que os músculos fazem, encontra-se o ponto que dá origem a uma dor ou um mal funcionamento no paciente. O braço e o ombro têm vários músculos, todos fixados no esqueleto. É bem provável que um destes seja o principal fator que gera dores ou incômodo. Às vezes, este ponto de origem fica bem longe da área que incomoda o paciente. Uma dor no braço pode ter origem nas costas, entre as escápulas. Por isso, é sempre bom fazer um curso de massagem ou massoterapia sério, que aborde estes assuntos.


Anatomia